Portal da Cidade Santa Helena

Santa Helena

Acisa pede liberação de eventos para até 100 pessoas e fim do toque de recolher

Durante o período de pandemia, em diversas situações a Acisa se posicionou favorável aos empresários e buscou, a manutenção das atividades.

Postado em 17/10/2020 às 12:02

(Foto: Arquivo/Portal da Cidade Santa Helena)

A Associação Comercial e Empresarial de Santa Helena (Acisa), encaminhou ofício ao Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, com pedido de liberação para a realização de eventos para até 100 pessoas.

A entidade também pediu a suspensão do ‘toque de recolher’. Durante o período de pandemia, em diversas situações a Acisa se posicionou favorável aos empresários e buscou, por meios legais, a manutenção das atividades empresariais e industriais.

Conforme o ofício, “considerando o cenário atual em que o índice dos casos ativos de Covid-19 em Santa Helena se mantem baixo e também as flexibilizações ocorridas tanto no uso do balneário como em outras áreas de lazer e esportivas do município, a Acisa, entidade que representa a classe empresarial, preocupada com as empresas que atendem exclusivamente o setor de prestação de serviços para eventos, vem respeitosamente a este Comitê, solicitar a liberação para a realização de eventos para até 100 pessoas.

Conforme a presidente, Claudete Remor, o ofício ressalta que a liberação solicitada deve seguir as recomendações de proteção à saúde como o uso de máscara, higienização constante das mãos, objetos e ambientes e o distanciamento social, bem como, as normas pré-estabelecidas pela vigilância sanitária.

Da mesma forma, a Acisa solicita a criação de um protocolo específico para os eventos como inaugurações e afins, especialmente onde são servidos alimentos ou bebidas aos participantes.

Conforme o ofício, também há o entendimento que o toque de recolher se tornou desnecessário, visto que praças, restaurantes, bares e similares já estão liberados para atendimento.


Fonte:

Receba as notícias de Santa Helena no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário